Santa Casa de Misericórdia de Goiânia esclarece sobre fim de contrato com a Coopvasc

A Santa Casa de Misericórdia de Goiânia esclarece que não houve rompimento unilateral do contrato firmado entre o hospital e a Cooperativa Médica dos Angiologistas e Cirurgiões Vasculares do Estado de Goiás (Coopvasc). Ao contrário da divulgação feita pela Coopvasc em suas redes sociais nesta terça-feira, 28, o que foi comunicado à cooperativa pela Santa Casa foi a não renovação automática descrita no contrato, que vence em 30/09/2021.

Diante da aproximação deste prazo de vencimento e na incerteza de verbas orçamentárias para o custeio do referido contrato, a Santa Casa de Misericórdia de Goiânia notificou a Coopvasc sobre essa não renovação automática neste momento.

Em reunião hoje, 28, entre a Coopvasc e a superintendência geral da Santa Casa de Misericórdia de Goiânia foi acertada a continuidade do trabalho da cooperativa no hospital até 08/10/2021, quando será feita outra reunião para avaliar a possibilidade de assinatura de um novo contrato.

O hospital lamenta a distorção dos fatos e segue trabalhando para que a assistência à população não seja afetada.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.