Primeira diretoria da Fessanta é empossada em Goiânia

O Dia Nacional das Santas Casas, celebrado em 15 de agosto, foi comemorado em Goiânia com a posse da primeira diretoria da recém-criada Federação das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos do Estado de Goiás (Fessanta). Presidida pela superintendente Geral da Santa Casa de Misericórdia de Goiânia, Irani Ribeiro de Moura, a Fessanta nasce com o compromisso de trabalhar para fortalecer o setor filantrópico de saúde goiano, que, apenas em 2021 e nos primeiros meses deste ano, foi responsável pela realização de mais de 2,5 milhões de atendimentos ambulatoriais e milhares de internações pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

A importância do setor filantrópico para o SUS foi destacada pelos participantes da solenidade de posse, realizada no auditório do Hospital de Câncer Araújo Jorge, uma das instituições que integra a Fessanta.

João Lopes Araújo Júnior, que representou o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, no evento, reconheceu a grave crise financeira enfrentada pelo setor e destacou que os hospitais filantrópicos trabalham para salvar vidas. “Por isso, estamos estudando um reforço orçamentário especial para esses hospitais”, afirmou.

“A participação dos filantrópico no SUS é muito expressiva e a federação trará mais robustez às demandas do setor e, trabalhando juntos, vamos avançar”, disse o secretário de Saúde de Goiás, Sandro Rodrigues, que representou o governador Ronaldo Caiado na solenidade.

Presidente da CMB (Confederação Brasileira das Santas Casas de Misericórdia, Hospitais e Entidades Filantrópicas), Mirócles Veras, também prestigiou a posse da diretoria da 19ª federação das Santas Casas do País, parabenizou os eleitos e enfatizou que as instituições filantrópicas respondem por 70% da alta complexidade no SUS, têm um histórico de atendimento à parcela mais carente da população e, hoje, lutam para garantir sua sustentabilidade e a manutenção dessa assistência.

Segundo ele, a Fessanta chega para fortalecer o trabalho da CMB e das demais federações brasileiras que lutam para mudar a forma de financiamento do setor filantrópico. “Não queremos mais recursos públicos e, sim, a melhor remuneração dos serviços que prestamos”, disse.

Cláudio Francisco Cabral, diretor financeiro da Fessanta, agradeceu a todos que se esforçaram para tornar a federação uma realidade, unindo às instituições filantrópicas e buscando, cada vez mais, prestar bons serviços dos goianos. Também falando em nome da diretoria empossada, o vice-presidente, Padre Clayton Bergamo, ressaltou a importância da Fessanta na organização do setor e a nobre missão dos filantrópicos, que buscam oferecer o melhor aos que recorrem a esses hospitais.

A presidente Irani Ribeiro de Moura enfatizou que as instituições que integram a Fessanta têm demandas comuns e que a federação vai trabalhar para fortalecer e lutar por mais emendas e recursos para o setor e para que, juntos, possam vencer os desafios, atender a população e defender o SUS, que é o maior plano de saúde do mundo.

Presenças

A posse foi também prestigiada por representantes da Secretaria Municipal de Saúde, representando o prefeito Rogério Cruz; da Pontifícia Universidade Católica de Goiás; da Universidade Federal de Goiás; por parlamentares, como o vereador Anselmo Pereira, o deputado estadual Antonio Gomide e o deputado federal Francisco Júnior; pelo ex-vereador Paulinho Graus; o ex-governador Marconi Perillo, e o arcebispo emérito Dom Washington Cruz, que também representou o arcebispo metropolitano de Goiânia e presidente da Santa Casa de Misericórdia de Goiânia, Dom João Justino.

Sobre a Fessanta…

Participaram da fundação da Federação das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos do Estado de Goiás (Fessanta), as seguintes entidades: Santa Casa de Misericórdia de Goiânia, Hospital de Câncer Araújo Jorge, Fundação Banco de Olhos de Goiás e Hospital Espírita Eurípedes Barsanulfo/Casa de Eurípedes (Goiânia), Hospital do Câncer Francisco Camargo (Inhumas), Hospital de Caridade São Pedro D´Alcântara (Cidade de Goiás), Santa Casa de Anápolis e Inmceb – Instituto de Medicina do Comportamento Eurípedes Barsanulfo  (Anápolis), Santa Casa de Buriti Alegre (Buriti Alegre), Associação Hospital São Pio X (Ceres), Santa Casa do Povo (Itapuranga) e Vila São Cottolengo (Trindade).

Confira a composição da Diretoria

DIRETORIA

Dra. Irani Ribeiro de Moura – Presidente

(Santa Casa de Misericórdia de Goiânia)

Padre Clayton Bergamo – Vice-presidente

(Santa Casa de Anápolis)

Dr. Wagner Miranda – Diretor Administrativo

(HCG – Hospital de Câncer Francisco Camargo)

Dr. Cláudio Francisco Cabral – Diretor Financeiro

(Hospital de Câncer Araújo Jorge)

Empresário Zander Campos da Silva – Diretor-secretário

(Fundação Banco de Olhos de Goiás)

CONSELHO DE ADMINISTRAÇÃO

Irondes José de Morais

(Santa Casa de Misericórdia de Goiânia)

Jecer dos Santos Lopes

(Hospital de Caridade São Pedro D´Alcântara)

Júlio César Gomes da Silva

(Santa Casa de Anápolis)

Lisete Maria Kliemann Gomes

(Hospital Espírita Eurípedes Barsanulfo/Casa de Eurípedes)

Paulo Renato Manso

(Fundação Banco de Olhos de Goiás)

Shirley Kellen Ferreira

(Associação Hospital São Pio X)

Wilmar Nogueira Cavalcanti

(HCG – Hospital de Câncer Francisco Camargo)

CONSELHO FISCAL

Wagner Napoleão de Oliveira

(Hospital de Caridade São Pedro D´Alcântara)

Luciana Pereira dos Santos

(Hospital de Câncer Araújo Jorge)

Gilberto Soares da Silva

(HCG – Hospital de Câncer Francisco Camargo)

Zilmar Rezende Pereira

Inmceb – Instituto de Medicina do Comportamento Eurípedes Barsanulfo)

José Pedro de Oliveira

(Santa Casa de Misericórdia de Goiânia)

Leonardo dos Reis Vaz

(Associação Hospital São Pio X)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.